Os principais países de produção de petróleo

Conheces quais são os principais países produtores de petróleo? A seguir, dir-lhe-emos quais são e qual a quantidade de petróleo que exporta cada um dos países.

Os maiores produtores de petróleo do mundo

Assim como em outro qualquer setor, o preço do petróleo varia em função da oferta e da procura. Um dos fatores que intervêm no preço do petróleo está relacionado com a decisão que tome a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP). Esta organização tem reuniões regulares para acordar os barris de petróleo que devem ser produzidos, assim como decidir qual o preço dos mesmos. Por outro lado, no que se refere à procura, há que ter em conta a dependência que existe do petróleo, o preço do dólar americano na altura e, claro, o desempenho da economia mundial.

71% da produção de petróleo do mundo está repartida entre 10 países. Isto significa que há mais de 100 milhões de barris por dia. Sabemos que a principal utilidade do petróleo é o combustível, como o gasóleo e gasolina, mas também outros produtos derivados do mesmo, como lubrificantes, plásticos e produtos farmacêuticos.

Os principais tipos de petróleo são o Brent e WTI (West Texas Intermediate) e diferenciam-se pelo lugar em que são extraídos, a composição do mesmo e também o fator geopolítico.

Estes são alguns dos principais produtores de petróleo do mundo:

1. Estados Unidos: 19,51 milhões de barris por dia.

Desde 2017 que os Estados Unidos são o principal produtor do mundo. O petróleo é gerado em 32 estados em todo o litoral dos Estados Unidos, a grande maioria situada no Texas, 41%. Por outro lado, os Estados Unidos são também os maiores consumidores de petróleo que há. Em 2019 consumiram mais de 7,400 milhões de barris.

Os Estados Unidos foram os pioneiros ao usar novos métodos inovadores para extrair o petróleo. Esta é uma das razões que os coloca na primeira posição da produção.

2. Arábia Saudita: 11,81 milhões de barris por dia.

A Arábia Saudita foi a primeira produtora de petróleo antes dos Estados Unidos. No entanto, ao nível de consumo, ocupa o sexto lugar com uma média de cerca de 3,78 milhões de barris por dia.

Entre 2018 e 2019, após a Organização de Países Exportadores de Petróleo, reduziram o seu nível de produção a 609 mil barris por dia. Com a chegada do Covid-19 diminuiu ainda mais, cerca de 3,30 milhões de barris por dia. O Petróleo para a Arábia Saudita representa por volta de 42% do seu PIB, fazendo com que estas reduções drásticas cria um problema bastante grave para a sua economia.

3. Rússia: 11,49 milhões de barris por dia.

Devido à caída dos preços do petróleo, este caiu para o terceiro lugar na produção mundial de petróleo, ficando atrás da Arábia Saudita e dos Estados Unidos. É uma caída que também influenciou a decisão da OPEP e com a chegada do coronavírus diminuiu cerca de 20%.

Na Sibéria Ocidental é onde se localiza a principal produção do petróleo na Rússia, em Priobskoye e Samotlor. Por outro lado, a Rússia converteu-se no quinto maior consumidor de petróleo a nível mundial, com certa de 4%, equivalente a 3,31 milhões de barris por dia.

4. Canadá: 5,50 milhões de barris por dia.

O Canadá é um dos países que pouco a pouco vai escalando na lista de produtores de petróleo a nível mundial, com 5,29 milhões de barris por dia. Isto supõe que num futuro o aumento seja na casa dos 120%.

O Canadá conta com uma reserva de petróleo que pode durar mais de 180 anos e consome até 2,4 milhões de euros por dia.

5. China: 4,89 milhões de barris por dia.

Embora a China esteja no meio da tabela como produtor de petróleo, é o segundo maior consumidor. Por dia o consumo pode chegar aos 14 milhões de barris.

Na China, o petróleo é concebido na zona noroeste e centro norte do país. Não conta com uma reserva muito grande, tendo aproximadamente para cinco anos e pouco a pouco o nível da sua produção vai a diminuir.

6. Iraque: 4,74 milhões de euros.

Nos últimos anos a produção do Iraque aumentou cerca de 2,6%, alcançado os 4,74 milhões de barris por dia. Este é um dos países que possui uma das maiores reservas, 9% a nível mundial, 140 milhões de barris.

Dentro da OPEP é o segundo maior fornecedor de petróleo a nível mundial e o segundo exportador. A maioria das suas exportações destinam-se à China, Índia e Europa.

7. Emirados Árabes Unidos: 4,1 milhões de barris por dia.

Os EUA fazem parte da lista da OPEP, apesar de uma queda de 3,1% na produção de petróleo nos últimos anos.

No que refere a volume de armazenamento, tem havido continuidade desde 1988, com cerca de 98 milhões de barris. Tendo em conta o nível de consumo e produção que têm na atualidade, podem durar quase 300 anos.

8. Brasil: 3,67 milhões de barris por dia.

Desde 2018 que o Brasil tem experimentado um grande e importante aumento da sua produção de petróleo. Com aconteceu com muitos outros países, eles também caíram no número de exportações nos últimos meses. Ainda assim, o Brasil possui menos de 1% de armazém mundial de petróleo, o que duraria para certa de 15 anos.

9. Irão: 3,19 milhões de barris por dia

Nos anos 70 o Irão tinha um controlo considerável sobre a indústria do petróleo, mas consoante foram surgindo outros países, os mesmos perderam a sua força com o passar do tempo. Embora ainda faça parte da principal fonte de rendimento do país, diminuiu 20% em comparação com anos transatos.

Isto não diminui o facto de o Irão esperar que o setor cresça até 500 milhões de dólares em 2025.

10. Kuwait: 2,94 milhões de barris por dia.

A produção de petróleo dá ao Kuwait mais de metade do seu PIB e mais de 90% das suas vendas por exportação. Devido à pandemia mundial, as previsões que eles tinham foram muito inferiores. Por culpa desta situação, tiveram que encontrar outras fontes de exportação para conseguirem sustentar-se economicamente.

Que países forman la lista de principais produtores de petróleo da OPEP?

Nem todos os principais produtores de petróleo do mundo fazem parte da lista da Organização de Países Exportadores de Petróleo (OPEP). Na atualidade, são cerca de 13 membros, sendo os seguintes:

  • Irão: 1960 – atualidade
  • Iraque: 1960 – atualidade
  • Kuwait: 1960 – atualidade
  • Arabia Saudita: 1960 – atualidade
  • Venezuela: 1960 – atualidade
  • Qatar: 1961 – 2019
  • Indonésia: 1962 – 2009; 2016 – 2016
  • Líbia: 1962 – atualidade
  • EAU: 1967 – atualidade
  • Argélia: 1969 – atualidade
  • Nigéria: 1971 – atualidade
  • Equador: 1973 – 1992; 2007 – 2020
  • Angola: 2007 – atualidade
  • Gabão: 1975 – 1995; 2016 – atualidade
  • Guine Equatorial: 2017 – atualidade
  • Congo: 2018 – atualidade